NOSSAS REDES

BRASIL

UFPA abre inscrições para seleção de professores com salários de até R$ 9,6 mil

Redação do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Os interessados podem se inscrever exclusivamente pela internet, no site do CEPS, até às 18h do dia 11 de fevereiro

A Universidade Federal do Pará (UFPA) está com inscrições abertas para seleção de professores. A exigência para a maioria das vagas é a titulação de doutor, com a ressalva para os Editais Nº 360/2018 e Nº 356/2018, com vagas para especialistas e mestres, respectivamente. Os salários, de acordo com as classes e titulação, varia de R$ 3.950,43 até R$ 9.600,92, valores brutos.

As vagas são para as classes de professor Adjunto (Editais 348, 349, 350, 351, 352, 353, 354, 355, 357, 358, 359 e 361/2018), Assistente (Edital 356/2018) e Auxiliar (Edital 360/2018). Os editais com os requisitos, a documentação, as datas e as etapas dos processos seletivos estão disponíveis no site do Centro de Processos Seletivos (CEPS).

As vagas dos certames são para as unidades do Campus Universitário de Altamira; Campus Universitário de Cametá; Campus Universitário de Salinópolis; Campus Universitário de Tucuruí; Instituto de Ciências da Arte; Instituto de Ciências da Saúde; Instituto de Ciências Exatas e Naturais; Instituto de Ciências Sociais Aplicadas; Instituto de Filosofia e Ciências Humanas; Instituto de Letras e Comunicação; Instituto de Tecnologia e para o Núcleo de Inovação e Tecnologia Aplicada ao Ensino e Extensão.

A diretora de Desempenho e Desenvolvimento, Cristina Yoshino, explica que “as vagas desses editais são destinadas à recomposição do quadro, em razão das vacâncias, bem como para atender a cursos em implantação, como é o caso do de Medicina, em Altamira. Uma oportunidade para ingressar na carreira de Magistério da UFPA, referência de ensino, pesquisa e extensão na Região Norte.”

Inscrições

Os interessados podem se inscrever exclusivamente pela internet, no site do CEPS, até às 18h do dia 11 de fevereiro, com exceção dos cargos de Auxiliar e Assistente, cujas inscrições vão até às 18h desta segunda-feira (14), observado o horário de Belém (PA). O valor da taxa de inscrição é de R$ 180,00.

Entre as vagas disponíveis, três serão destinadas a candidatos PCD, para os seguintes temas: Urgência e Emergência, do Edital Nº 353/2018; Engenharia Biomédica, do Edital Nº 355/2018; e Atenção à Saúde do Idoso, do Edital Nº 360/2018; e uma reserva para candidatos negros, do Edital Nº 356.  portalamazonia

Advertisement
Comentários

Comente aqui

ACRE

Brasileiros querem volta das aulas apenas após vacina da Covid-19

Ac24horas, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Para 72% dos brasileiros das classes A, B e C, os estudantes só devem voltar a ter aulas presenciais depois que uma vacina para o novo coronavírus estiver disponível, segundo pesquisa Ibope divulgada pelo jornal “O Globo” nesta segunda-feira (7).

O levantamento foi feito entre os dias 21 e 31 de agosto, pela internet, com 2.626 pessoas com mais de 18 anos e das classes A, B e C. O nível de confiança é de 95% dentro da margem de erro de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Continue lendo

BRASIL

Aborto Realizado: Médicos interrompem gravidez da menina de 10 anos que foi abusada pelo próprio tio

Assessoria, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

De acordo com o portal A Gazeta, a equipe médica do Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros, para onde foi levada a menina de 10 anos que ficou grávida após ser abusada pelo tio, já terminou a primeira etapa do aborto.

O médico Olimpio Barbosa de Morais Filho foi o responsável pelo procedimento e segundo ele, a menina poderá voltar para o Espírito Santo nesta quarta-feira (19), mas ainda não foi confirmado oficialmente quando ela receberá alta hospitalar.

O aborto foi autorizado pela Justiça do Espírito Santo, com um procedimento onde é ministrada uma injeção com medicamentos que resulta no óbito do feto e isto já foi feito.

Na madrugada de hoje começou a segunda etapa do procedimento, que é retirar o feto já sem vida e isto será realizado através de medicamentos.

O processo é concluído quando for realizada a limpeza total do útero da menina, que primeiramente foi internada no Hospital das Clínicas, em Vitória, só que a equipe médica de lá não quis fazer o aborto, alegando que a legislação vigente não poderia ser aplicada neste caso devido a idade gestacional.

A princípio foi dito que a menina estava no terceiro mês de gestação, mas exames posteriores revelaram que era o quinto mês. A criança foi levada para um hospital em Recife, onde o aborto então foi realizado e está sendo concluído hoje.

Ainda de acordo com o portal A Gazeta, familiares se mostraram favoráveis à interrupção da gravidez da menina. Um grupo de religiosos chegou a ir até a entrada do hospital protestar contra o aborto na noite de ontem.

VIA: PortalR7notícias

Continue lendo

TOP MAIS LIDAS

Feedback
WhatsApp Fale conosco