NOSSAS REDES

SANTA ROSA DO PURUS

TRAGÉDIA: Índios se suicidam em Santa Rosa do Purus

Senaonline.net, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Na passagem de ontem para hoje, segundo informações, dois indígenas cometeram suicídio por enforcamento.

A cidade de Santa Rosa do Purus está de luto. Na passagem de ontem para hoje, segundo informações, dois indígenas cometeram suicídio por enforcamento.

O primeiro caso se deu por volta das 22 horas desta sexta-feira, 04, ocasião em que um índio foi encontrado dependurado em uma árvore. Ele seria filho de um vereador do referido município.

Durante o velório, um de seus parentes estava chorando bastante e teria dito em sua língua que não ia ficar só naquilo. Em seguida, correu para sua casa, entrou no quarto e utilizou um cadarço para se enforcar. O mesmo ainda chegou a ser levado para o Hospital, mas não foi possível reanimá-lo.

O secretário municipal de saúde de Santa Rosa, senhor Osmarino, disse que estava presente no momento em que tentaram reanimar a segunda vítima, porém, sem sucesso.

O motivo do primeiro suicídio ainda não foi confirmado.

Sena Online

Advertisement
Comentários

Comente aqui

SANTA ROSA DO PURUS

Prefeito e vice de cidade no AC são investigados por usarem prédio público como comitê eleitoral

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Prefeito e vice-prefeito de Santa Rosa do Purus foram denunciados ao MP-AC por fazer campanha eleitoral antecipada na cidade.

CAPA: Gestores de Santa Rosa do Purus são investigados pelo MP-AC por campanha eleitoral antecipada — Foto: Divulgação prefeitura de Santa Rosa do Purus.

O prefeito e o vice de Santa Rosa do Purus, interior do Acre, Francisco de Assis Fernandes da Costa e Francisco das Chagas Domingos, o nego Kaxinawá, respectivamente, são alvos de uma investigação do Ministério Público do Acre (MP-AC) por campanha eleitoral antecipada e ainda usar um prédio público como comitê.

Com isso, o MP-AC instaurou um Procedimento Preparatório Eleitoral (PPE) para investigar a denúncia e encaminhou ofícios para a Polícia Federal para apuração dos fatos. O MP pediu ainda que a Fundação Nacional do Índio (Funai) apure irregularidades por parte de um servidor público do órgão federal.

“Estariam, possivelmente, realizando campanha eleitoral antecipada, em suma, agindo visando suas reeleições para o presente ano, com a prática de ações como, por exemplo e dentre outras, utilização de servidores públicos para realização de campanha eleitoral, uso de bem imóvel público destinado a hospedar indígenas como comitê eleitoral”, ressalta a publicação do MP-AC.

Ao G1, o vice-prefeito Nego Kaxinawá disse que só vai se posicionar sobre o caso quando for notificado pelo MP-AC. A reportagem não conseguiu contato com o prefeito da cidade até a última atualização desta reportagem.

Nomeação de parentes

O MP-AC informou também de que há relatos da nomeação de parentes dos gestores para trabalharem como ‘cabos eleitorais’ na campanha de reeleição.

Ainda segundo o MP-AC, os gestores são investigados também por improbidade administrativa. É que a denúncia relata existir quatro indígenas no quadro de servidores contratados pela prefeitura, mas que não exercem as funções.

Continue lendo

ACRE

Agências promovem curso sobre eleições na pandemia e doam recursos para entidades filantrópicas

Assessoria, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

As agências Arawá e Comuni+Ação promovem nos dias 12, 13 e 14 de agosto o curso “Comunicação para a Eleição 2020”. Voltada para auxiliar os pré-candidatos a elaborar estratégias de vários aspectos da área com foco no processo eleitoral durante a pandemia do novo coronavírus, a atividade será realizada de forma virtual pela plataforma Zoom das 19h às 21h e destinará 30% do valor total arrecadado para uma entidade filantrópica com atuação em Rio Branco.

As inscrições devem ser feitas por meio do endereço eletrônico https://www.eleicao20.com/ e custam R$ 100. O pagamento pode ser feito por meio de boleto bancário, cartão de crédito ou débito e transferência, os dados bancários para a última opção estão disponíveis no site do evento. Os interessados também podem entrar em contato pelo número 68 99913-6763. Temas como dinâmica da mídia, cuidado com a imagem do candidato, gestão de crise de imagem, administração das redes sociais, forma correta de produção de vídeos e artes serão discutidos.

De acordo com Paulo Santiago, jornalista das duas empresas, o conteúdo elaborado foi pensado a partir das limitações que a campanha eleitoral terá de forma presencial devido às medidas de distanciamento social. Ele afirma que as redes sociais terão um papel ainda maior no pleito deste ano, superando o pleito eleitoral de 2018, e que serão um dos principais meios de contato direto com as pessoas. Aspectos técnicos como Calendário Eleitoral também serão tratados.

“Temos uma inesperada pandemia que impôs uma realidade jamais pensada por qualquer pessoa. Com a mudança de data da pré-campanha, campanha e o dia de votação os pré-candidatos precisam se reorganizar, e muitos ainda não trabalham a comunicação com o público-alvo. Durante três dias vamos ensinar os participantes a atuar com as ferramentas disponíveis e fazer uma boa relação com as pessoas que eles pretendem alcançar neste período”, explica o jornalista.

Com mais de 20 anos de atuação no mercado, o também jornalista Freud Antunes, sócio da Comunic+Ação, destaca que uma comunicação eficiente é essencial para que os pretensos candidatos alcancem sucesso. “Comunicar da forma correta é imprescindível para que as ideias que você tem sejam incorporadas por outras pessoas. Nossa proposta é dar o caminho para que as pessoas sejam entendidas de forma clara e objetiva nos grupos que pretendem chegar”.

Continue lendo

TOP MAIS LIDAS

Feedback
WhatsApp Fale conosco