NOSSAS REDES

CIDADES

Governo divulga calendário de pagamento do licenciamento anual de veículos para 2019

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O governo do Acre divulgou no Diário Oficial do Estado (DOE) desta segunda-feira, 17, o calendário anual de pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) referente ao exercício de 2019.

O calendário também inclui as datas para a quitação do Licenciamento Anual e Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestres (DPVAT), que a partir de 2019 vence junto com a primeira cota do IPVA.

O valor do IPVA é baseado de acordo com o tipo marca e modelo do veículo. O pagamento poderá ser efetuado em cota única ou em três parcelas, de acordo com o algarismo final da placa.

Pagamento poderá ser efetuado em cota única ou em três parcelas, de acordo com o algarismo final da placa (Arte: Matheus Soares/Detran)

Para o pagamento do imposto, o proprietário poderá emitir o Documento de Arrecadação Estadual (DAE) no site  www.detran.ac.gov.br ou retirá-lo no Posto Fiscal do IPVA, localizado nas dependências do Departamento Estadual de Trânsito  do Acre (Detran-AC) ou nas agências da Secretaria da Fazendo (Sefaz) de seu município.

“Após o pagamento das taxas, o novo documento do veículo deve chegar ao endereço do proprietário no prazo de 20 dias, por isso é importante que o endereço esteja atualizado no sistema do Detran”, explica a diretora- geral do departamento, Shirley Torres.

O IPVA é um tributo de arrecadação, supervisão e fiscalização da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz). De todo o montante arrecadado, metade é repassada ao Estado e a outra parte ao município no qual o veículo estiver licenciado. Já o licenciamento do veículo subsidia o Detran para investir em engenharia, educação e fiscalização.

Seguro DPVAT terá desconto em 2019

A receita referente ao Seguro DPVAT é destinada para o pagamento de indenizações às vítimas de acidentes de trânsito. Em 2019, os proprietários de veículos terão um desconto de 70% em média do valor cobrado em 2018. Para os automóveis de passeio, por exemplo, o seguro obrigatório caiu de R$ 41,40 para R$ 12, com redução de 71%.

A medida foi anunciada pelo Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), que é vinculado ao Ministério da Fazenda, na última quinta-feira, 13. Segundo o conselho, a redução dos prêmios tarifários foi possível devido ao valor de recursos acumulado em reservas superior às necessidades de atuação do Seguro DPVAT.

A diretora geral do Detran/AC informa aos proprietários de veículos que devem ficar atentos apenas às datas de vencimento do DPVAT, que terão mudanças no próximo ano.

“A partir de 2019, a Seguradora Líder adotou que as taxas do seguro DPVAT vencem de acordo com a primeira cota do IPVA, ou seja, nos veículos de placa final 1, dia 31 de janeiro será o último dia para o pagamento do seguro juntamente com a primeira cota do IPVA”, afirma Shirley Torres.

Veja abaixo os valores que serão praticados em 2019:

  • Automóveis particulares: de R$ 41,40 (2018) para R$ 12,00 (2019) – redução de 71%;
  • Táxis e carros de aluguel: de R$ 41,40 (2018) para R$ 12,00(2019) – redução de 71%;
  • Ônibus, micro-ônibus e lotação com cobrança de frete: de R$ 160,05 (2018) para R$ 33,61 – redução de 79%;
  • Micro-ônibus com cobrança de frete, mas com lotação não superior a dez passageiros, e ônibus, micro-ônibus e lotações sem cobrança de frete: R$ 99,24 (2018) para R$ 20,84 – redução de 79%;
  • Ciclomotores (cinquentinhas): R$ 53,24 (2018) para R$ 15,43( 2019) – redução de 71%;
  • Motocilcetas e motonetas: R$ 180,65 (2018) para R$ 80,11 – redução de 56%;
  • Máquinas de terraplanagem, tratores de pneus com reboques acoplados, caminhões ou veículos “pick-up”, reboques e semirreboques: de R$ 43,33 (2018) para R$ 12,56 (2019) – redução de 71%.

Por Andréia Nobre

Advertisement
Comentários

Comente aqui

ACRE

Incêndio destrói casa após criança de 3 anos brincar com isqueiro no Acre

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Uma casa de madeira da Vila Custódio Freire, em Rio Branco, foi consumida pelo fogo após uma criança de três anos brincar com um isqueiro dentro do quarto. O incêndio ocorreu nesta terça-feira (8) e ninguém ficou ferido.

O Corpo de Bombeiros do Acre informou que ao chegar ao local encontrou três crianças de 3, 5 e 11 anos sozinhas na casa. Os vizinhos acionaram os bombeiros.

A criança mais velha, de 11 anos, falou para os bombeiros que estava na cozinha quando o irmão caçula brincava com um isqueiro no quarto e começou o fogo. Ao perceber as chamas, a criança retirou os irmãos mais novos e pediu socorro.

A mãe das crianças estava trabalhando e foi para o local após ser avisada do incêndio.

“O combate durou cerca de 30 minutos Fomos acionados por volta das 10 horas. Era uma residência de madeira medindo cerca de dez por cinco metros”, destacou a cadete Laiza Mendonça.

Continue lendo

ACRE

Homem mata cunhado, atira na esposa e deixa menor ferido por causa de fogo em cerca de casa no AC

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Mulher e menor atingidos por disparos foram socorridos e levados ao hospital. Suspeito está foragido.

capa: Homem mata cunhado, atira na esposa e deixa menor ferido por causa de fogo em propriedade no AC — Foto: Divulgação/Polícia Civil.

O produtor rural Osias Santos, de 34 anos, foi morto na madrugada dessa sexta-feira (4), em Assis Brasil, no interior do Acre, pelo próprio cunhado, identificado pela polícia como Sebastião Alves Pereira que está foragido.

O crime ocorreu na zona rural do município, no Km 17 da BR- 317. Além de ser suspeito de matar o cunhado, Pereira também atirou na esposa, de 37 anos, que foi atingida no ombro e em outro cunhado, um menor de 17 anos, atingido nas nádegas. Os dois foram socorridos e levados ao hospital.

O delegado da cidade, Judson Barros, disse ao G1 que as primeiras informações levantadas pela Polícia Civil é de que a confusão teria começado por causa de um incêndio que ocorreu em uma propriedade de um outro irmão da esposa e teria queimado a cerca do suspeito.

“Essa confusão todinha só foi por causa do fogo. O que é complicado é que quem botou fogo foi o João [outro cunhado que não estava no local do crime] e mata o Osias que não tinha nada a ver, que segundo informações foi lá para tentar resolver”, contou.

Osias Santos teria pedido que o cunhado tivesse calma porque eles iriam arrumar a cerca e que o outro irmão pagaria pelo prejuízo.

“Mas, não teve diálogo, o cidadão estava armado e terminou atirando em todo mundo”, complementou o delegado.

Barros afirmou ainda que está concluindo o relatório que deve ser encaminhado ao juiz que pode determinar ou não a prisão preventiva do suspeito.

“Estamos desde ontem [sexta, 4] tentando contato com a família para que ele se apresente porque de qualquer forma vai responder a um processo judicial e ele [suspeito] precisa vir aqui e dar a versão dele dos fatos”, concluiu. Por G1Ac. 

Continue lendo

TOP MAIS LIDAS

    Feedback
    WhatsApp Fale conosco