NOSSAS REDES

Acreanidades

Em Rio Branco, passagem de ônibus aumenta para R$ 4,00

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

O povo é que vai pagar o pato pelos conchavos políticos.

A passagem de ônibus em Rio Branco, agora é oficial, foi estabelecida em R$ 4,00.

* Prestem a atenção em um detalhe.

* Já pintou uma turma ligada ao Governo e a prefeitura se levantando contra o tal aumento, como se o partido deles, o PT, nada tivesse com o assunto melindroso.

* Tem um grupo do PT, inclusive, se organizando para puxar um protesto.

* Na verdade, o ex-prefeito Marcus Alexandre (PT) deixou tudo mastigadinho, acordado.

* Para começo de conversa determinou que sua base de vereadores retirassem da Câmara a autonomia para votar sobre a passagem.

* Hoje, vereador até discute sobre passagem de ônibus, mas apenas para gastar saliva e ganhar tempo na tribuna.

* A opinião deles e um risco na água é a mesma coisa.

* Ou seja: o pobre do trabalhador, liso, quebrado, sem emprego, sem renda, é que vai pagar a conta pelos conchavos políticos dos outros.

* Brincadeira.     

* Essa moça que peitou o governador Tião Viana (PT) no município de Jordão não conhece ele.

* Por bem menos ele deu uma porrada no empresário Joaquim Lira, em ato semelhante ocorrido em Brasileia, na época daquela enchente.

* Ela disse que o Lula é aquilo de que ele é acusado nos processos, sabe: ladrão.

* Ele virou as costas para ela rapidinho.

* Preocupado em investigar o ocorrido com o avião do senador Gladson Cameli (PP), um deputado estadual acabou ouvindo o que não queria nos corredores da Assembleia.

* Alguém gritou para ele devolver o negócio de um milho. Não sei nem o que é.

* A pesquisa sobre a disputa eleitoral divulgada ontem ainda deu ressaca hoje – e muita.

* Bate-boca nas redes sociais e até em um dos corredores da Aleac.

* Covarde, eu corri para não servir sequer como testemunho.

* Na tribuna, ataques violentos contra o senador Gladson Cameli (PP), que aparece na dianteira.

* Conversei com assessores do Gladson e eles acham legal a pancadaria, por uma razão elementar: assim ele sempre cresce nas pesquisas e os resultados sempre se confiram nas urnas.

* Se tem dados científico não há o que se discutir.

* Desde hoje, 5 de junho, o coronel Ulisses Araújo, pré-candidato a governador do Acre pelo PSL, não é mais o diretor financeiro da Associação dos Oficiais da Polícia Militar.

* Nesse caso não é questão eleitoral, mas troca de diretoria apenas.

* O deputado federal Major Rocha (PSDB) disse hoje na Câmara Federal que a insegurança no Acre é fruto da incompetência do Governo Federal e do local.

* Principalmente dos governo Dilma e Lula, que ficaram quase duas décadas e nada resolveram no sentido de fechar as fronteiras para o narcotráfico.

* Rocha desmente o governador Tião Viana (PT), que fez circular em sua imprensa local que a culpa por todas as mazelas da segurança nossa é do atual presidente Temer.

* Muito fácil jogar a culpa no Temer.

* O atual presidente pode até ser golpista, o escambau, mas essa culpa ele não pode levar.

* São 20 anos de PT.

* “Não tinha como esperar o Marcus aparecer bem numa pesquisa em Rio Branco. Ele deixou a cidade só buracos”.

* Da vereadora Lene Petecão (PSD) comentando o empate entre ele e Gladson na capital.

* Encontrei o combativo comunista José Uchôa na sede do Incra.

* Não deu para conversar, mas com certeza o Zé tem muito a falar sobre a situação da esquerda nessas eleições.

* Ele não se furta em fazer autocrítica, diferente de uns semi-deuses do PT, que ao invés da humildade, passaram o dia inteiro desdenhando da pesquisa pelas redes sociais.

* A arrogância precede a ruína, escreveu Salomão há cerca de três mil anos no seu livro de Provérbio capítulo 16 versículo 18.

* Uma ótima noite e até a noite de amanhã. Por Blog do Evandro Cordeiro.

PASSAGEM MAIS CARA. Engenheiro urbanista da Polícia Federal diz que conselho acoberta superfaturamento das empresas ônibus.

O anúncio no final da tarde desta terça-feira, 5, do aumento na passagem de ônibus em Rio Branco de R$ 3,50 para R$ 4,00 provocou uma confusão nas redes sociais.

O PT colocou seu time em campo para defender as empresas, mas surgiram opiniões divergentes – e como. O engenheiro urbanista Roberto Feres, a maior autoridade nesse tipo de planilha no Acre, disse que o Conselho Tarifário aprova um aumento acobertando autos faturamentos das empresas.

“A questão é que o Conselho de Transportes está acobertando um superfaturamento de mais de R$ 2 milhões por mês. Acobertam uma planilha maquiada que não se sustenta a uma rápida auditoria.

Se precisar de um profissional, recomendo que nunca contrate um dos bobinhos que compõem a tal Câmara Técnica…Por R$ 3,00 o sistema roda com lucro. Imagine o quanto já ganharam todo esse tempo com o preço superfaturado”, questiona. Por Blog do Evandro Cordeiro.

Advertisement
Comentários

Comente aqui

ACRE

Dia C: Sicoob Acre entrega mais de dois mil kits em comunidades carentes da capital e interior do Estado

Assessoria, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Apesar da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) no estado, a Cooperativa de Créditos e Investimentos do Acre (Sicoob Acre) participou neste sábado, 4, do Dia de Cooperar, ou Dia C, atividade desenvolvida pela Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB). Direcionada em ações de combate à doença neste período, a instituição financeira entregou de forma gratuita mais de dois mil kits de higiene e proteção, com máscaras e álcool em comunidades carentes da capital e interior.

Celebrada sempre no segundo sábado de julho, a data este ano tem como tema “Atitude simples movem o mundo” realizada nos 26 estados brasileiros, além do Distrito Federal. No estado, a ação do Sicoob Acre atendeu diversos bairros de Rio Branco, Acrelândia, Brasileia e Cruzeiro do Sul. Para evitar aglomerações, as entregas foram feitas pelos próprios colaboradores da entidade de forma individual nos bairros em que eles moram e os próximos.

O Dia C é marcado por diversas ações focadas na responsabilidade social em áreas da saúde, educação, lazer e meio ambiente promovidas pelos sete ramos de cooperativismo atuantes no país, incluindo o cooperativismo de crédito. A ideia é transformar a realidade social de milhares de comunidades por meio da prestação de serviços. Neste ano, as iniciativas já praticadas pelo Sicoob Acre foram ligadas ao novo coronavírus com estímulo a continuidade delas mesmo após o evento.

Presidente do Sicoob Acre, José Generoso explica que duas etapas foram desenvolvidas. “Cooperação Vem à Casa” e “Pilares e Atuação com o Compromisso Social” reuniram todas as cooperativas do estado para desenvolver iniciativas como arrecadações de alimentos e doações financeiras para atender pessoas carentes, além de ajudar instituições do ramo que tenham sido afetadas e correm risco de extintas com direcionamento para os colaboradores e seus familiares.

“O maior compromisso do Sicoob Acre não é o lucro, mas sim ofertar um retorno social positivo e concreto nas comunidades onde estamos inseridos. Neste ano, distribuímos kits de proteção com álcool em gel e máscaras. Também ofertamos orientações de como prevenir a doença em casa e outros ambientes. Abraçamos a causa do Dia C desde a primeira edição como forma de contribuir com a população, isso me deixa muito realizado e feliz”, relata Generoso.

Continue lendo

ACRE

Colapso na saúde e exemplos de tratamento contra a Covid-19 serão assuntos da live que busca salvar vidas

Assessoria, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Com o objetivo de salvar vidas, médicos de várias partes do Brasil e o Sindicato dos Médicos do Acre (Sindmed-AC) realizarão uma live nesta quarta-feira (17) para divulgar o sucesso no tratamento contra o coronavírus (Covid-19) em Belém do Pará. Especialistas tratarão sobre a abordagem adotada pelos médicos paraenses em pleno colapso no sistema de saúde, contribuindo para reduzir a quantidade de mortes.
O evento, aberto para toda a população e para gestores públicos. será transmitido pelo perfil do Sindmed-AC no YouTube, com a participação de especialistas de vários Estados, contemplando profissionais do Acre e de Rondônia.
“É um projeto de iniciativa da Dra. Luciana Cruz que está em uma corrente nacional de combate a Covid-19. Um trabalho muito bonito, participando de grupos de debate em todo o Brasil, chegando a dialogar sobre os problemas com o Ministério da Saúde”, detalhou a primeira-secretária do Sindicato, Jacqueline Fecury.
O tema do evento online é “A experiência em situação de colapso na pandemia de Covid-19 em Belém do Pará: 300 casos nas fases IIA e IIB tratados em domicílio”.
O Sindmed-AC vem realizando videoconferências com médicos nos últimos meses, buscando ouvir demandas e debater a aplicação de protocolo para tratamento contra o coronavírus. As atividades ainda incluem visitas às unidades de saúde e reuniões com autoridades, buscando cobrar melhorias nas condições de trabalho e no atendimento da população.
Devido ao alcance do debate, os organizadores estão divulgando o horário, levando em consideração o fuso de cada região, assim, no Acre, a live começará às 19h. Em Rondônia, o evento está marcado para às 20h e, para aqueles que estão em outras regiões do Brasil, o horário de início do debate será 21h.

Continue lendo

TOP MAIS LIDAS

    Feedback
    WhatsApp Fale conosco