NOSSAS REDES

CORONAVÍRUS

Em meio à crise, mercado de beleza e estética tem bons resultados e pode ser alternativa ao desemprego

Avatar

PUBLICADO

em

Mesmo em meio à crise econômica que o Brasil vive há cinco anos, o mercado de beleza e estética gera bons resultados e continua em expansão. Um levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos e do Instituto FSB Pesquisa mostra que o país é o terceiro maior mercado consumidor em relação a produtos e equipamentos de beleza e estética. Sempre aquecidas, as áreas podem ser alternativas de trabalho para fugir do desemprego.

Já um estudo do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) mostra que de 2010 a 2015 o número de centros estéticos e salões de beleza no país aumentou 567%. O avanço foi de 72 mil empreendimentos para cerca de 500 mil, resultado com teor significativo e que mostra o quanto o mercado de beleza e estética é um dos mais vantajoso atualmente. O levantamento do Sebrae mostra que até 2020 o setor deva ter um crescimento de 14% ao ano.

Daiane Ferreira, gerente de um empreendimento do ramo, explica que o Acre vive a mesma tendência de expansão. Segundo ela, cada vez mais as pessoas procuram cuidados com a pele com tratamentos como combate à acne, clareamento de melasmas e rejuvenescimento. “Isso gera uma demanda positiva para os profissionais da área e atrai mais adeptos para esse campo. A tendência é que cada vez mais as pessoas enxerguem nisso a chance de vencer o desemprego”.

Além de profissionais de Fisioterapia, Enfermagem, Estética, Biomedicina, Farmácia e todas as áreas que envolvam beleza, saúde e estética, as pessoas que desejam atuar no ramo para conseguir uma renda fixa podem fazer cursos de capacitação para iniciar o próprio empreendimento. Entretanto, Daiane reforça que é importante que as pessoas que pretendem atuar na área sejam capacitadas e habilitadas, uma vez que elas lidarão com procedimentos que têm técnicas médicas.

E com a intenção de ofertar capacitação, qualificação e novos conhecimentos para profissionais da área da estética e de beleza e os que pretendem trabalhar nas áreas, o Acre recebe no dia 5 de maio a segunda edição do Road Show Pele Nova. Promovido pela RosasFarma e Bioage, o evento reunirá os mais renomados profissionais do Brasil nas duas áreas e será realizado no auditório do Serviço Nacional do Comércio (Senac) com uma série de atividades durante o dia.

Protocolo Acne C Effect, Biolifting Effect C e Perfect Brigth C são alguns dos temas apresentados ao público durante o curso. Todos eles trazem as novas tendências utilizadas pelos profissionais-palestrantes em suas respectivas áreas. A ideia é que as técnicas sejam inseridas no mercado acreano. Especialistas dessas áreas estarão em Rio Branco para trazer as novidades. Dani Bastos, autora e pesquisadora do método Tensi Lifting Manual, é um dos diversos nomes confirmados.

Maria de Fátima, curadora educacional e científica do Congresso Internacional de Estética Les Nouvelles e professora do curso de Bacharelado em Estética e da Pós-graduação em Pré e Pós Cirúrgico da Universidade Anhembi Morumbi; Regina Gante, Cléia Reis e Rosângela Robledo também são as referências nacionais que se farão presentes no evento da RosasFarma e Bioage. Mais informações podem ser adquiridas pelos números (68) 98408-1697 e (68) 98408-1413.

“Essa é uma das vantagens de quem se profissionaliza na área de estética. Quem deseja ter o próprio negócio pode iniciar com baixo investimento e evoluir rapidamente. Já vi profissionais que atendiam clientes em um quartinho de casa, apenas com uma maca, um ambiente organizado e bons produtos se tornarem proprietários de grandes clínicas. Quem tem afinidade, pode encontrar soluções para obter liberdade financeira e mitigar os efeitos da crise”, finaliza Êrika Rosas, proprietária da RosasFarma.

Road Show 2018

Em maio de 2018, a RosasFarma promoveu a primeira edição do Road Show. Ao todo, mais de 200 profissionais compareceram ao auditório da Uninorte para participar de palestras com especialistas renomados que debateram técnicas inovadoras sobre o tratamento facial.

Advertisement
Comentários

Comente aqui

ACRE

Acre chega a 25.408 pessoas infectadas pelo novo coronavírus e tem 624 mortes confirmadas

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Mais uma morte foi divulgada no boletim deste sábado (5) sendo a vítima do sexo masculino.

O Acre tem 159 novos casos de Covid-19, de acordo com o boletim da Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) deste sábado (5). No total, são 25.408 infectados pela doença. O último boletim contabilizava 25.249. Mais uma pessoa foi a óbito fazendo o número de mortes subir de 623 para 624 vítimas.

Há ainda 44 amostras em análise pelo Laboratório Charles Mérieux e pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Acre, o Lacen-AC. O número de pessoas que tiveram alta da doença é de 20.105.

O estado está em contaminação comunitária desde o dia 9 de abril, com uma taxa de incidência é de 2.905,8 casos para cada 100 mil habitantes e a de mortalidade é de 71,4 para o mesmo grupo.

Neste sábado, a taxa de ocupação é de 45,5%, uma vez que dos 90 leitos de UTI específicos para casos graves de pacientes com Covid-19, 41 estão ocupados. Os leitos de UTI estão concentrados em Rio Branco, com 70 vagas, e Cruzeiro do Sul, com 20.

Mortes por cidades

Cidades com óbitosÓbitos totaisNovos registros
Acrelândia90
Assis Brasil90
Brasileia190
Bujari60
Capixaba70
Cruzeiro do Sul570
Epitaciolândia130
Feijó180
Jordão10
Mâncio Lima101
Marechal Thaumaturgo10
Plácido de Castro80
Porto Acre150
Porto Walter20
Rio Branco3880
Rodrigues Alves70
Santa Rosa do Purus20
Sena Madureira110
Tarauacá140
Xapuri130
Senador Guiomard120
Manoel Urbano20
Total6241

Continue lendo

CORONAVÍRUS

Acre tem 25.249 pessoas infectadas pelo novo coronavírus e 623 mortes confirmadas, diz Sesacre

Editorial do Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Mais uma morte foi divulgada no boletim desta sexta-feira (4) sendo a vítima do sexo feminino.

O Acre tem 114 novos casos de Covid-19, de acordo com o boletim da Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) desta sexta-feira (4). No total, são 25.249 infectados pela doença. O último boletim contabilizava 25.135. Mais uma pessoa foi a óbito fazendo o número de mortes subir de 622 para 623 vítimas.

Há ainda 52 amostras em análise pelo Laboratório Charles Mérieux e pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Acre, o Lacen-AC. O número de pessoas que tiveram alta da doença é de 20.011.

O estado está em contaminação comunitária desde o dia 9 de abril, com uma taxa de incidência é de 2.887,6 casos para cada 100 mil habitantes e a de mortalidade é de 71,2 para o mesmo grupo.

Nesta sexta, a taxa de ocupação é de 44,4%, uma vez que dos 90 leitos de UTI específicos para casos graves de pacientes com Covid-19, 40 estão ocupados. Os leitos de UTI estão concentrados em Rio Branco, com 70 vagas, e Cruzeiro do Sul, com 20.

Mortes por cidades

Cidades com óbitosÓbitos totaisNovos registros
Acrelândia90
Assis Brasil90
Brasileia190
Bujari60
Capixaba70
Cruzeiro do Sul570
Epitaciolândia130
Feijó180
Jordão10
Mâncio Lima90
Marechal Thaumaturgo10
Plácido de Castro80
Porto Acre150
Porto Walter20
Rio Branco3881
Rodrigues Alves70
Santa Rosa do Purus20
Sena Madureira110
Tarauacá140
Xapuri130
Senador Guiomard120
Manoel Urbano20
Total6231

Continue lendo

TOP MAIS LIDAS

    Feedback
    WhatsApp Fale conosco