NOSSAS REDES

BRASIL

Belo Horizonte recebe de forma inédita o XXVII Congresso Brasileiro de Psicanálise

Assessoria, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Realizado pela primeira vez em Belo Horizonte, entre 19 e 22 de junho no Hotel Ouro Minas, o Congresso propõe um encontro de trocas de experiências e discussões profundas, por meio de atividades científicas e culturais, a respeito do estranhamento no processo psicanalítico.

Promovido pela FEBRAPSI (Federação Brasileira de Psicanálise) com apoio da SBPMG (Sociedade Brasileira de Psicanálise de Minas Gerais), o XXVII Congresso Brasileiro de Psicanálise chega a Belo Horizonte com a temática “O Estranho – Inconfidências”. O encontro promoverá diversas atividades dentro da programação, além de convidar os participantes a uma atividade de imersão realizada em parceria com o Inhotim.

O tema escolhido celebra os 100 anos da obra “O Estranho” de Sigmund Freud e propõe um paralelo com a Inconfidência Mineira, a partir de nove eixos de discussão: “pensando a psicanálise”, “psicanálise e cultura”, a clínica, o conceitual, uso de tecnologias, comunidade e social, infância e adolescência, didático e o institucional.

PROGRAMAÇÃO

Durante três dias, 20, 21 e 22 de junho, esses eixos serão discutidos em 142 mesas redondas, para as quais foram convidados cerca de 400 apresentadores e debatedores, todos psicanalistas ligados à FEBRAPSI, cujas ideias e propostas contribuem para o desenvolvimento científico, respaldado na investigação e na experiência clínica. No total, são previstos cerca de 600 trabalhos teóricos e clínicos.

No decorrer do Congresso, estão programadas atividades do Congresso Didático, que é direcionado para discussões a respeito da formação em psicanálise. A partir do tema “O Estranhamento na formação psicanalítica – Confidências e Inconfidências”, o Congresso Didático promoverá quatro atividades nos dias 20, 21 e 22 de junho, recebendo como convidados o psicanalista Claudio Laks Eizirik (SPPA) e Cecilia Cruvinel, membro do Instituto de Psicanálise da SBPMG. Cada um deles redigiu um trabalho e as duas dissertações serão debatidas e comentadas na sessão plenária do dia 21, de 09 às 10h30. 

Antes da abertura, nos dias 18 e 19 de junho, o Congresso promoverá seus tradicionais Working Parties, que são grupos de trabalho criados com o objetivo de promover discussões sobre os diversos modos de se pensar e de se trabalhar em psicanálise, como um laboratório ampliado de uma sala de análise. Inspirados no exemplo de WP criado pela Federação Europeia de Psicanálise (EPF), os Working Parties vêm sendo realizados há mais de 15 anos e oferecem uma experiência diferenciada de escuta e de investigação do método psicanalítico, a partir da observação e discussão do grupo. 

Serão 5 métodos distintos trabalhados nos Working Parties: “Escuta da escuta”, “Métodos clínicos comparados”, “Microscopia da sessão analítica”, “Modelo dos três níveis (3-LM) “e “Sobre a especificidade do Tratamento Psicanalítico Hoje”. Os interessados em participar devem acompanhar a programação no site http://congressofebrapsi2019.com.br/content.php?p=programmingWorkingParties.

Com a proposta de imersão na experiência do estranho, o Congresso realizará no dia 18 de junho, dia que antecede a abertura, uma imersão artística e cultural profunda no Instituto Inhotim. Assim, os participantes interessados visitarão o centro de arte contemporânea e entrarão em contato com a obra dos artistas escolhidos de forma não mediada. A parte da manhã será dedicada à visitação, e na parte da tarde serão realizadas as mediações em uma atividade que contará com psicanalistas e profissionais da área de arte, tendo como foco “O estranho” segundo as afinidades poéticas dos artistas.

Durante três dias, 20, 21 e 22 de junho, o Congresso oferecerá mais de 140 mesas redondas, compostas por psicanalistas de diferentes federadas, com o intuito de trocar experiência e mostrar como profissionais de cada região do país estão trabalhando e pensando a psicanálise brasileira. Os interessados no XXVII Congresso Brasileiro de Psicanálise podem se inscrever e obter mais informações acessando o site http://congressofebrapsi2019.com.br/index.php.

::Serviço::

XXVII Congresso Brasileiro de Psicanálise: “O Estranho – Inconfidências”

Quando: 19 a 22 de junho

Onde: Hotel Ouro Minas

Realização: FEBRAPSI (Federação Brasileira de Psicanálise) com apoio da SBPMG (Sociedade Brasileira de Psicanálise de Minas Gerais)

Informações: http://www.congressofebrapsi2019.com.br/index.php

Inscrições: http://www.congressofebrapsi2019.com.br/content.php?p=subscribe

 

Informações para imprensa

Fábio Gomides – (31) 9 9693-2767

João Dicker – (31) 9 8841-9613

Bruna Dias – (31)98415-6545

aduplainformacao@gmail.com

Advertisement
Comentários

Comente aqui

ACRE

Brasileiros querem volta das aulas apenas após vacina da Covid-19

Ac24horas, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Para 72% dos brasileiros das classes A, B e C, os estudantes só devem voltar a ter aulas presenciais depois que uma vacina para o novo coronavírus estiver disponível, segundo pesquisa Ibope divulgada pelo jornal “O Globo” nesta segunda-feira (7).

O levantamento foi feito entre os dias 21 e 31 de agosto, pela internet, com 2.626 pessoas com mais de 18 anos e das classes A, B e C. O nível de confiança é de 95% dentro da margem de erro de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Continue lendo

BRASIL

Aborto Realizado: Médicos interrompem gravidez da menina de 10 anos que foi abusada pelo próprio tio

Assessoria, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

De acordo com o portal A Gazeta, a equipe médica do Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros, para onde foi levada a menina de 10 anos que ficou grávida após ser abusada pelo tio, já terminou a primeira etapa do aborto.

O médico Olimpio Barbosa de Morais Filho foi o responsável pelo procedimento e segundo ele, a menina poderá voltar para o Espírito Santo nesta quarta-feira (19), mas ainda não foi confirmado oficialmente quando ela receberá alta hospitalar.

O aborto foi autorizado pela Justiça do Espírito Santo, com um procedimento onde é ministrada uma injeção com medicamentos que resulta no óbito do feto e isto já foi feito.

Na madrugada de hoje começou a segunda etapa do procedimento, que é retirar o feto já sem vida e isto será realizado através de medicamentos.

O processo é concluído quando for realizada a limpeza total do útero da menina, que primeiramente foi internada no Hospital das Clínicas, em Vitória, só que a equipe médica de lá não quis fazer o aborto, alegando que a legislação vigente não poderia ser aplicada neste caso devido a idade gestacional.

A princípio foi dito que a menina estava no terceiro mês de gestação, mas exames posteriores revelaram que era o quinto mês. A criança foi levada para um hospital em Recife, onde o aborto então foi realizado e está sendo concluído hoje.

Ainda de acordo com o portal A Gazeta, familiares se mostraram favoráveis à interrupção da gravidez da menina. Um grupo de religiosos chegou a ir até a entrada do hospital protestar contra o aborto na noite de ontem.

VIA: PortalR7notícias

Continue lendo

TOP MAIS LIDAS

    Feedback
    WhatsApp Fale conosco