NOSSAS REDES

Cruzeiro do Sul

Após 4 anos de disputa, servidores ganham na Justiça direto a posse de prédio de Santa Casa no AC

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Há quatro anos, os servidores da Santa da Casa de Cruzeiro Sul, interior do Acre, aguardavam o resultado de uma ação trabalhista para receber cinco meses de salários que não foram pagos e os direitos trabalhistas. A unidade, que foi desativada há cinco anos por falta de recursos, tinha sido penhorada em 2015 e, nesta segunda-feira (6), foi entregue definitivamente aos funcionários pela Justiça do Trabalho.
A sentença com autorização para a posse do prédio, que é avaliado em R$ 6 milhões, seja transferido para os funcionários foi entregue por um oficial de justiça na manhã desta segunda (6). Dos 46 servidores com direito a parte do imóvel, dois já morreram, mas os filhos compareceram para assinar o documento.
“Foi um processo muito cheio de perseguição, de muita batalha, nesse período perdemos duas colegas que morreram, mas, as famílias delas vão receber. Agradecemos aos nossos advogados, a Deus, e a todos que se empenharam muito nessa batalha”, disse a técnica em enfermagem Marias das Dores Freitas, que trabalhou na Santa Casa durante 22 anos.
A Santa Casa de Misericórdia de Cruzeiro do Sul foi construída em 1959 pela Maçonaria e funcionava por meio de convênio com o governo do estado. A estrutura física é divida em três pavilhões, sendo que um deles está alugado para uma clínica de hemodiálise e em outra parte funciona uma clínica laboratorial.
Além de toda estrutura da unidade de saúde, os servidores também terão direito aos valores dos alugueis das duas clínicas que estavam sendo depositados em uma conta na Justiça há cinco anos. Cada servidor vai ficar com uma parte equivalente aos valores que teriam que receber de acordo com seu tempo de serviço e o rendimento.
“Ainda vamos formar uma comissão para ver o que vamos fazer. Muitos querem vender para tirar o valor que tem a receber, mas o ideal era que reabríssemos, porque é um patrimônio muito bonito. Se tivesse alguém que nos ajudasse a reerguê-la, era uma boa, mas ninguém se manifestou ainda para nos dá esse apoio”, disse Marias das Dores.

Entenda o caso

Quando os servidores entraram na Justiça, eles afirmaram que muitos deles não tinham carteira assinada e todos estavam sem receber os salários há vários meses, devido ao fechamento do hospital.
Em novembro de 2015 a Justiça do Trabalho determinou que a administração do hospital, que já estava desativado, pagasse os direitos trabalhistas dos funcionários, montante que totalizava R$ 3 milhões. Por isso, o terreno da unidade, construída pela Maçonaria, pode ser penhorado para que os salários e outros valores sejam pagos.
Em 2016, os trabalhadores chegaram a acusar a diretoria de Santa Casa de desvio de verba. Na época, o documento foi protocolado no Ministério Público Federal (MPF) e Ministério Público Estadual (MPE). Para evitar que o prédio ficasse ainda mais deteriorado, os ex-funcionários também chegaram a fazer um mutirão de limpeza no antigo prédio da unidade de saúde.

Advertisement
Comentários

Comente aqui

Cruzeiro do Sul

Após protestos de motoristas, Procon-AC notifica 20 postos de combustível de Cruzeiro do Sul

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Procon-AC notificou 20 postos de combustível após gasolina chegar a R$ 5,70 no município.

CAPA: Litro da gasolina, em Cruzeiro do Sul, chegou a R$ 5,70 — Foto: Gledson Albano/Rede Amazônica Acre. 

Vinte postos de combustível do município de Cruzeiro do Sul, no interior do Acre, foram notificados pelo Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-AC) após protestos contra o aumento no preço da gasolina.

Uma onda de protestos tomou a cidade acreana na última semana após o litro da gasolina subir para R$ 5,70. Um grupo de mototaxistas e motoristas de aplicativos se reuniu em frente ao Ministério Público Estadual (MP-AC), na segunda (24), e depois os participantes saíram em carreata e fizeram um buzinaço.

Os manifestantes também foram até alguns postos e abasteceram com R$ 2 como forma de protesto.

Três dias depois, os manifestantes fecharam a ponte que fica sobre o Rio Juruá. O protesto foi pacífico, mas a Polícia Militar acompanhou a manifestação.

Após as manifestações, equipes do Procon foram até os postos de combustível verificar a situação. Ao G1, o diretor-presidente do Procon-AC, Diego Rodrigues, explicou que todos os proprietários de postos que existem na cidade foram notificados.

“Foram notificados para comprovar o preço praticado. Precisam apresentar a nota fiscal de compra e venda do combustível dos últimos três meses e queremos saber se o aumento dado é somente repassado pela Petrobras ou está havendo excesso na margem de lucro desse postos de combustível”, destacou.

Continue lendo

Cruzeiro do Sul

Caminhão de lixo pega fogo no Centro de Cruzeiro do Sul e bombeiros são acionados para conter chamas

G1AC, via Acre.com.br - Da Amazônia para o Mundo!

PUBLICADO

em

Incêndio ocorreu na noite dessa quarta-feira (26). Duas guarnições do Corpo de Bombeiros foram acionadas para atender a ocorrência.

capa: Caminhão de lixo pega fogo no centro de Cruzeiro do Sul — Foto: Gledson Albano/Rede Amazônica Acre. 

Duas guarnições do Corpo de Bombeiros foram acionadas na noite dessa quarta-feira (26) para conter as chamas de um caminhão de lixo que incendiou, no Centro de Cruzeiro do Sul, interior do Acre, enquanto servidores faziam coleta.

“De repente, o motorista não sabe o que aconteceu, mas o lixo que estava no baú do carro começou a pegar fogo”, contou o comandante dos Bombeiros na cidade, capitão José Oliveira.

Os bombeiros que foram acionados tiveram dificuldades porque a tampa do baú que comprime o lixo, teve as mangueiras hidráulicas estouradas devido à temperatura e foi preciso utilizar uma pá mecânica para poder levantar a tampa, retirar o lixo, para poder apagar o fogo.

“Foi removido o lixo e combatido o incêndio e, graças a Deus, a viatura foi salva, só com algumas avarias na questão hidráulica na tampa que comprime o entulho, mas já vai voltar a funcionar”, acrescentou comandante.

O comandante disse que a causa do incêndio ainda deve ser apurada para que possa ter uma resposta do que aconteceu. Ninguém se feriu.

Continue lendo

TOP MAIS LIDAS

    Feedback
    WhatsApp Fale conosco